sexta-feira, 5 de abril de 2019

Livros lidos no mês de Março

Oláááá pexual, aqui estou com os meus lidos do mês de Março que já era pra eu ter publicado por aqui mas estava sem notbook, de novo ):

Foi tanta leitura no mês passado que tive que dar um tempo dos livros e parei pra resenha-los e mostrar pra vocês. Também senti a necessidade de criar um Instagram só pra postar sobre livros, resenhas e afins porque no outro perfil as resenhas ficavam muito perdidas no meio das minhas fotos pessoais e do blog. Por isso, sigam o "Fugindo com Livros" que é meu novo Instagram literário pexual, basta clicar na TAG DE NOME AO LADO! Sem mais enrolações, agora é a hora de mostrar tudo que eu li no ultimo mês. Em breve, farei a resenha de cada um deles aqui no blog e alguns eu já andei mostrando lá no @fugindocomlivros porque não aguentei a ansiedade. Leiam abaixo.





Lidos de Março/2019

"A garota do orfanato sombrio" do autor "Temple Mathews publicado pela Jangada conta a história de Echo Stone, uma menina que acorda em meio a um orfanato cheio de crianças estranhas e sem saber como chegou lá. Em meio a isso descobre que, ela não perdeu seus pais e sim, está morta. Agora resta a ela e seus novos amigos descobrirem qual foi o motivo da sua morte.

Eu nunca havia lido livros de suspense e realmente, esse livro no começo é bem assustador mas depois se torna uma leitura boa pois não tem tanto terror igual ao inicio. Se eu gostei? A única coisa que posso dizer sobre essa história é que não me agradou muito. Claro que deixa alguns ensinamentos ótimos mas não é o tipo de leitura que me inspira e deixa com gostinho de -quero mais-. 





"O Bangalô" da autora Sarah Jio e publicado pela Novo Conceito conta a história de Anne, uma garota que mora em Seattle e vive no ano de 1942 em meio a Segunda Guerra Mundial. Anne está prestes a se casar mas ainda tem suas dúvidas e por isso decide acompanhar sua amiga Kitty como enfermeira voluntária em Bora Bora. Lá, em meio a muitos soldados feridos e aproveitadores ela conhece Westry, com quem inicia um romance lindo e memorável. O esconderijo secreto de Westry e Anne é um bangalô abandonado no meio da floresta tropical da ilha onde passam dias lindos em segredo. Mas como todo romance tem sua parte triste, os dois juntos testemunham um assassinato terrível na praia e com isso, a magia da ilha pode mudar muitas vidas.

Essa história é linda, tem um final surpreendente e nos deixa a seguinte lição "Em meio a tantas guerras, o amor verdadeiro sempre vence"

"Felicidade Roubada" do autor "Augusto Cury" é um livro motivacional e cheio de aprendizado que conta a história de um médico neuro-cirurgião chamado Alan que vê sua vida mudar drasticamente. Dr. Alan sempre foi famoso por suas várias cirurgias bem sucedidas e por isso, trabalhava 24 horas por dia sem ter tempo para sua família. E como a vida cobra, ele se vê perdido e incapaz de realizar cirurgias, consultas e sair em público por medo.

Um livro com algumas mensagens lindas e que todas as pessoas deveriam ler. Me ajudou muito a rever as prioridades da minha vida e da minha família.






"O Guardião Invisível" da autora "Dolores Redondo" é um livro em que me deixou entre o medo e a curiosidade. Amaia Salazar, a personagem principal é uma inspetora que se vê obrigada a investigar o assassinato de uma menina realizado em uma cerimônia macabra. Como se já não bastasse a investigação ela se obriga também a lembrar de seu passado que é aterrorizante.

Sinceramente, não sei se posso dizer que gostei de ler esse livro porque eu fiquei sonhando com a história e tendo pesadelos. Sério, me deu muito medo mas me recusei a abandonar a leitura e fui até o fim, conseguindo assim descobrir algumas coisas. Ficaram algumas pontas soltas mas pelo que vi na internet é apenas o primeiro livro de uma trilogia. Eu só não sei se vou conseguir ler os próximos, acredito que nem irei tentar.



"As violetas de Março" também da autora Sarah Jio, é um livro cheio de significados. Conta a história de Emily Taylor, uma escritora de sucesso que se vê em meio a um bloqueio criativo e que também acaba de separar-se do marido.
Para dar um tempo pra si mesma, ela vai passar uns dias com sua tia Bee onde encontra um diário que pode mudar tudo na sua vida, isso porque segredos sobre sua família podem ser revelados. Um grande novo amor também se inicia e essa é a parte em que deixa a história mais emocionante e interessante.

Sinceramente, comecei a amar Sarah Jio porque as histórias parecem mesmo reais conforme vamos lendo e a leitura não é cansativa.

Recomendo e muito!



"Neve na Primavera" também da Sarah Jio, é o livro que mais me fez chorar nesse mês. É muito emocionante principalmente pra quem é mãe porque conta a história de Vera Ray, uma mulher que se obriga a deixar o pequeno Daniel, de 3 anos, dormindo em casa sozinho para ir trabalhar em um hotel. Quando ela chega em casa percebe que o pequeno não está e desapareceu em meio a uma nevasca inesperada. E anos depois, a repórter Claire Aldridge acorda e vê que uma nevasca fora de época está caindo e é designada para escrever sobre isso porque coincidentemente a nevasca caiu no mesmo dia em que Daniel desapareceu há 70 anos atrás. Mas o que parecia ser apenas uma história se tornou um segredo da sua própria família.

É lindo demais! Vale muito a pena ler. Sinceramente, perder um filho deve ser muito doloroso e imaginar isso lendo a história da Vera Ray faz a gente se colocar no lugar de muitas mães que já viveram histórias parecidas.

"Mitologia Nórdica" do autor "Neil Gaiman" reconta algumas histórias sobre deuses nórdicos e nos estimula a reconta-las também. Eu como sou muito fã de livros de mitologia guardei esse como um dos meus preferidos e sem contar que ele é capa dura.
Nem preciso dizer que eu amo né? Afinal, acho que ultimamente vocês tem visto muito sobre mitologia por aqui, certo?
Prometo que vou tentar me controlar.










"Por Lugares Incríveis" da Jennifer Niven, que eu li só porque minha prima insistiu muito e que me obriguei a ler em pdf, (o que eu odeio) porque prefiro 100% livro físico conta a história de Finch, um garoto problemático depressivo que vê sua família não se preocupar muito com o que se passa na sua vida e que também pesquisa sobre suicídio e como seria se acontecesse com ele todos os dias. E a história de Violet, uma garota que perdeu a irmã em um acidente de carro e não sente vontade de viver.
Finch e Violet começam uma amizade que se torna um amor inimaginável. Os dois começam suas andanças por lugares incríveis para um projeto escolar e isso ajuda muito os dois a superarem alguns sentimentos.
Só posso dizer que o final do livro eu não gostei porque no ínicio faz com que a gente crie um final lindo e feliz para os personagens. Mas que, é importante ser lido pra aprendermos a prestar mais atenção as pessoas ao nosso redor e ajudarmos na campanha contra o suícidio. Mas enfim, a história valeu a pena ser lida, compensou o esforço que fiz pra ler um pdf. É lindo e estou querendo comprar o livro físico pra ler novamente e guardar as várias citações que encontrei nele.


Quem nunca ouviu falar sobre "O Código Da Vinci" seja o livro ou filme do autor "Dan Brown" que atire o primeiro críptex.
Conta a história de Robert Langdon que é um famoso simbologista de Harvard. Durante uma palestra em Paris, ele é apontado como o principal suspeito do assassinato de Jacques Saunière, dentro do Museu do Louvre. E com a ajuda de Sophie Neveu tenta descobrir os motivos do assassinato e os enigmáticos códigos de uma sociedade secreta chamada Priorado de Sião que levam a um antigo tesouro escondido, o Santo Graal.
 Confesso que há muito tempo esse livro estava na minha listinha e só agora pude reservar um tempo a ele. A leitura é surpreendente porque prende o leitor do inicio ao fim e tem um desfecho realmente surpreendente. É cheio de ensinamentos e por isso já estou querendo ler os outros livros do autor que contam com o mesmo personagem, Robert. E também porque quero descobrir se Sophie Neveu faz parte deles.




Esses foram os meus lidos do mês de Março, muita coisa pra um mês só né? Mas a explicação é que eu estava sem computador e sem celular. Foram nove no total e deixarão significados especiais pra mim, com exceção de "A garota do orfanato sombrio" e "Guardião Invisível" que não me deixaram dormir a noite. Inclusive, tenho mais alguns livros de terror na estante e confesso que estou sem coragem de ler.

Mas e aí, quais foram os lidos do mês de vocês? Já leram alguns dos livros desse post? Deixem seus comentários e não esqueçam de seguir @fugindocomlivros onde vocês vão encontrar informações mais atualizadas sobre os livros que eu leio. Bjos e até ;)

Leia Também 


O livro mais foto que vocês irão ler hoje e sua resenha 


Compras literárias do ultimo fim de semana 


Filme da semana: pra quem é apaixonado pela dança 









Nenhum comentário:

Postar um comentário

Aqui você pode me contar um pouquinho do que achou do post. Vou amar responder a todos. Beijinhos e um imenso obrigada <3


Layout: Bia Rodrigues | Tecnologia do Blogger | All Rights Reserved ©