domingo, 30 de setembro de 2018

Magnus Chase e os Deuses de Asgard - A espada do Verão

Título: Magnus Chase e os Deuses de Asgard - A Espada do Verão
Autor: Rick Riordan
Editora: Intrinseca
Ano: 2015        Nº de páginas: 448
Sinopse: A vida de Magnus Chase nunca foi fácil. Desde a morte da mãe em um acidente misterioso, ele tem vivido nas ruas de Boston, usando de muito jogo de cintura para sobreviver e ficar fora das vistas de policiais e assistentes sociais. Até que um dia ele reencontra tio Randolph – um homem que ele mal conhece e de quem a mãe o mandara manter distância. Randolph é perigoso, mas revela um segredo improvável: Magnus é filho de um deus nórdico.As lendas vikings são reais. Os deuses de Asgard estão se preparando para a guerra. Trolls, gigantes e outros monstros horripilantes estão se unindo para o Ragnarök, o Juízo Final. Para impedir o fim do mundo Magnus deve empreender uma importante jornada até encontrar uma poderosa arma perdida há mais de mil anos.Quando um ataque de gigantes do fogo o força a escolher entre a própria segurança e a vida de centenas de inocentes, Magnus toma uma decisão fatal. Às vezes é necessário morrer para começar uma nova vida...

Resenha


Um dos autores que fez o meu amor pela literatura despertar foi Rick Riordan. Lembro de ter começado com o famoso Percy Jackson e o Ladrão de Raios, da série Percy Jackson e os Olimpianos. Desde então, sou apaixonada pela mitologia grega e agora, aos poucos, me encantando com a Mitologia Nórdica, sem contar que estou tentando completar minhas coleções com todos os livros do autor. Sem voltas, vou contar um pouco sobre a vida de Magnus Chase.



Magnus Chase é um garoto que mora nas ruas de Boston desde que perdeu sua mãe e foi a partir desse mistério que sua vida começou a ficar estranha. Ele vive junto de seus amigos Blitz e Hertz sempre tentando sobreviver.

Certo dia, Magnus é encontrado por seu tio Randolph e acaba descobrindo que é filho de um deus Nórdico e que precisa encontrar a antiga espada de seu pai, a Espada do Verão. Uma arma poderosa que pode dar inicio ao juízo final - O Ragnarok - e é ele a única pessoa capaz de renovar e empunhar a espada que possui uma personalidade própria. Mas, ele morre. Sim. Ele morre e nessa parte da história fiquei com uma péssima impressão do livro. Logo pensei: "não acredito que ele morre no inicio da história, e agora?" mas, dei seguimento a leitura e percebi que mais uma vez, Rick Riordan, criou uma história perfeita.

Após a experiência de morte que Magnus teve durante sua luta com Surt, o gigante do fogo, ele foi enviado para Valhala e se tornou um Einherjar, o lugar para onde são enviados os mortos honrosos para fazerem parte do exército de Odim e aguardarem o Ragnarok. Isso lhe deu, uma nova chance de vida e um novo corpo idêntico ao seu anterior. Ele começa a descobrir que seus amigos, na verdade, não são humanos e que estavam o tempo todo ao seu lado para lhe proteger. Descobre também que existem: Valquírias, nornas, nove mundos, monstros marinhos, gigantes do gelo e do fogo e outros.

Depois de Valhala, ele precisa encontrar novamente a Espada do Verão, que se perdeu quando ele morreu e para isso é preciso enfrentar alguns monstros marinhos e uma deusa em especial. Ele consegue recuperar a espada perdida e sua missão é tentar impedir que Surt a use para soltar o lobo Fenrir e dê ínicio ao Ragnarok.

Uma das minhas principais dúvidas sobre a história foi se Annabeth (prima de Magnus) é a mesma Annabeth da série "Percy Jackson e os Olimpianos" e se esses mundos da Mitologia Grega e Nórdica em algum momento irão se intercalar. Seria muito legal se Percy aparecesse em alguma aventura dos próximos livros, mas isso só irei descobrir quando ler o próximo livro.



Rick Riordan mais uma vez, arrasou com suas aventuras mitológicas e sua escrita que prende o leitor logo no ínicio da história. Ainda continua sendo um dos meus autores preferidos e recomendo muito a lerem todos os livros publicados por ele. A série do Magnus, tem mais dois livros que são: O Martelo de Thor e O Navio dos Mortos.

Em breve irei resenhar essas continuações da história e atualizarei esse post. Mas enquanto isso, que tal vocês se aventurarem na história de Magnus assim como eu?

Beijinhos e até ;)


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Aqui você pode me contar um pouquinho do que achou do post. Vou amar responder a todos. Beijinhos e um imenso obrigada <3


Layout: Bia Rodrigues | Tecnologia do Blogger | All Rights Reserved ©