sábado, 17 de junho de 2017

O ar que ele respira - Brittainy C. Cherry - Resenha



Título: O ar que ele respira. (Série: Elementos Vol.1)
Autor(a): Brittainy C. Cherry
Editora: Record
Ano de lançamento: 2016
Gênero: Romance/Ficção/Drama
Nº de páginas: 308
Sinopse: Elizabeth está tentando seguir em frente. Depois da morte do marido e de ter passado um ano na casa da mãe, ela decide voltar a seu antigo lar e enfrentar as lembranças de seu casamento feliz com Steven. A dor da perda ainda a consome, as lágrimas ainda insistem em cair, mas ela encontra em Emma, sua filha de 5 anos, a força de que precisa para recomeçar.
Ao retornar à pequena Meadows Creek, Elizabeth chega à conclusão de que tudo, com exceção dela própria, continua igual: as fofocas, os velhos amigos, a estranha loja do Sr. Henson...
Ou melhor, quase tudo. Seu novo vizinho, Tristan Cole, é o cara mais falado da cidade, porém todos os evitam. Grosseiro, solitário, com o olhar sempre agressivo e triste, ele parece fugir do passado. Com o tempo, Elizabeth descobre que, por trás do ser intratável, há um homem que foi devastado pela morte das pessoas que mais amava, e tenta se aproximar dele, mas Tristan faz de tudo para impedir que ela entre em sua vida. Em seu coração despedaçado, não há espaço para um novo começo. Ou há?





"Nós dois juntos era uma ideia terrível.
Eramos instáveis, estávamos destruídos, não havia como negar.
Ele era o trovão, e eu, a nuvem escura.
Estávamos a segundos de criar uma tempestade perfeita"






Sabe aquele livro que você começa a ler e não consegue achar a história interessante e não tem vontade de continuar lendo? Então, esse definitivamente não é esse tipo de livro. É aquele livro que você lê do começo ao fim tendo milhões de sentimentos estranhos surgindo em você e com vontade de ler cada vez mais. Eu chorei e sorri em vários momentos da historia e tenho certeza que vocês vão sentir o mesmo.

Será que duas vidas totalmente despedaçadas conseguem juntar os cacos e unir forças contra a tristeza? É o que iremos ver.

Tudo começou quando Tristan Cole deixa a esposa Jamie e o filho Charlie para viajar a trabalho com o pai. Porém, antes de chegar ao destino, ele recebe uma mensagem de sua mãe dizendo que houve um acidente e que os dois não estão nada bem. Então, todo o plano de divulgar seu trabalho acaba e os dois voltam correndo direto para o hospital da cidade.

Um ano se passou. Elizabeth decide voltar com Emma, sua filha, para sua casa em Meadows Creek, já que morar com a mãe problemática não estava a ajudando em nada a superar a morte do marido Steven. Chegando a cidade ela percebe que tudo está como era antes com excessão dela mesmo e da casa ao lado. Elizabeth descobre que tem um novo vizinho que também é o cara mais comentado da cidade, Tristan Cole.

Os dois se conhecem assim que Elizabeth chega a cidade quando em um momento de distração, ela atropela Zeus, o cãozinho de Tristan. Ela oferece ajuda para leva-los até o veterinário e ele aceita mas acaba tratando-a mal.

Após ver ele chorar quando recebeu a notícia de que Zeus ficaria bem e de descobrir que ele é seu vizinho ela entra em uma luta diária para se aproximar de Tristan e descobrir o que está por trás do homem silencioso e rude que todos conhecem.


"As vezes a pior parte de existir
sem a pessoa que amamos
é ter que se lembrar de respirar"



O tempo passa e os dois não conseguem segurar o instinto de desejar um ao outro e então começam a se apaixonar e a conviver juntos o tempo todo. Sairem juntos, dormirem juntos, chamar um ao outro quando não estão bem e então, quando era para tudo começar a dar certo acaba que dá tudo errado. Tanner, amigo de Elizabeth a anos e que é totalmente apaixonado por ela, começa a procurar indícios de que Tristan é o homem errado e maldoso de que todos falam e então descobre algo que pode acabar com o relacionamento dos dois e coloca-los na tristeza profunda novamente.

Após descobrirem tudo o que realmente aconteceu durante o acidente que matou a mulher e filho de Tristan, os dois preferem dar um tempo ao relacionamento. Tristan acaba indo embora pra rever os pais que ele culpou pelo acidente e pedir desculpas. Emma e Elisabeth continuam suas vidas na pequena cidade com toda a dor, saudade, sem as incríveis plumas brancas que pararam de aparecer e com vazio preenchido pela esperança de que um dia Tristan volte para elas. Afinal, bilhetes dizendo para ela esperar por ele tem aparecido em sua casa com a assinatura "T.C" no final do papel. Mas será que é verdade ou tudo não passa de um engano?

Duas vidas destinadas a ficar juntas mas com várias pedras em um caminho que eles não sabem se conseguem continuar seguindo?

Só o que tenho a dizer é que vocês precisam realmente ler esse livro. Não dei muitos detalhes do final porque é a melhor parte da história e se eu contar, vocês descobrem o final todo sem nenhuma emoção. Sim, teve muita emoção nessa história e acredito que a escritora acertou em cheio nesse quesito pois, já li muitos livros em que o romance não tinha emoção alguma e que acabei abandonando na estante.

Ansiosos(as) pra saber tudo que acontece na história? Corre pra ler o livro e que tal me contar aqui nos comentários qual a opinião de vocês? Eu adoraria saber. Beijinhos e até a próxima leitura.



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Aqui você pode me contar um pouquinho do que achou do post. Vou amar responder a todos. Beijinhos e um imenso obrigada <3


Layout: Bia Rodrigues | Tecnologia do Blogger | All Rights Reserved ©