terça-feira, 28 de fevereiro de 2017

Meu relato de parto - cesária



Quando eu engravidei muita gente me colocou pra baixo, falou de mim pelas costas mas também muita gente me deu apoio e hoje tenho o anjo mais lindo do meu lado. E aqui vou contar pra vocês como foi o dia mais feliz da minha vida.

23 de Julho de 2015

Era de manha e eu tinha uma consulta com a médica marcada as 10:15, então sai de casa apreensiva, com medo do que ela iria falar pra mim pois esse era o dia que eu completaria 40 semanas de gestação e a unica coisa que tinha mudado era que eu levantava umas quatro vezes de madrugada pra ir ao banheiro. Eu tinha aquela intuição martelando na minha cabeça de que ele já estava encaixado pra nascer.  Quando entrei na consultório, logo depois de contar que não tinha nenhum sintoma diferente, a Doutora mandou eu colocar uma camisola pra fazer exame de toque. Que nervosismo, eu nunca tinha feito isso. Enfim ela constatou que meu colo de útero ainda estava grosso e alto e que o James não nasceria naquele dia.
Então, sentei na cadeira e a medica perguntou se eu já tinha decidido entre parto normal e cesária. Eu esperei ate completar 40 semanas pra decidir, então fui ao consultório com a ideia de ter um parto normal mas devido as circunstancias tive que escolher a cesárea pois era a melhor opção naquele momento... a doutora começou a explicar que na cidade em que eu morava não tinha nenhuma estrutura pra induzir um parto normal e que se eu esperasse mais uma semana correria o risco de não ter anestesista na cidade. Então, como diz minha mãe: melhor prevenir do que remediar. Marcamos pra eu estar no hospital as 8 horas da manha do dia 24 de Julho, era uma sexta feira.
Eu sai da consulta ansiosa, com medo, preocupada, com aquela duvida - sera que eu deveria ter esperado mais um tempo? - e fui pra casa. Quando cheguei fui logo ligar pro Jeison e avisar a todos que no dia seguinte o meu anjinho iria vir ao mundo.

24 de Julho de 2015

Era 00:00 quando fui dormir, horário que eu tinha que entrar em jejum. Antes disso eu comi tudo que eu sabia que não poderia comer depois. hahaha
Mais ou menos as 03:40 da madrugada eu senti uma cólica tao forte que nunca tinha sentido antes e durou aproximadamente uns 10 minutos. Então, fui ao banheiro e começou a passar. Quando passou voltei a dormir mas era mais ou menos 04:30 da manha tive outra cólica, e as 05:25 da manha novamente. Mas todas as vezes, depois que fui ao banheiro a cólica passou.
As 06:30 da manha meu celular despertou e eu levantei. Arrumei as coisas do James, as minhas coisas, verifiquei três vezes se eu estava levando tudo e então fiquei esperando o Jeison, meu sogro e minha sogra chegarem para me buscar.
Cheguei ao hospital as 8 horas da manha e isso que nunca fui boa com horários. Fui direto para o quarto e já fui colocando a camisola com abertura nas costas... A enfermeira chegou, mandou eu me deitar e então inseriu aquele caninho que é colocado na veia. [Não sei dizer exatamente o nome]
Então, indo para o centro cirúrgico disse para meus familiares que logo voltava. Lembro bem de ter visto a placa escrito em vermelho "CENTRO CIRÚRGICO" então entramos na sala de cirurgia e fiquei deitada enquanto as enfermeiras preparavam tudo. Minha mãe sempre ao meu lado. E então a medica chegou e foi tão rápido. Logo que ela chegou o anestesista chegou também, e já falou pra eu ficar sentada, minha mãe segurando minhas pernas pra que eu não dobrasse e eu curvei minhas costas. Então ele aplicou a anestesia e eu fiquei boba, sentindo apenas minha cabeça e o restante do meu corpo nada. Foi rápido mesmo, ele aplicou a anestesia e foi pra um canto da sala mas logo voltou dizendo: "Você está pronta pra começar?" e eu disse "sim" e quando eu pensava que eles ainda iriam me abrir e etc... eu ouvi o chorinho do James e até foi engraçado porque olhei pra minha mãe e disse "Mas já?!" ela riu e então o anestesista, também pediatra, trouxe o James pra mim e minha mãe. Sério, não deu nem tempo de se emocionar porque logo ele entregou o James no colo da minha mãe e disse que precisava ir. Depois a médica me disse que se tivéssemos esperado mais algumas semanas poderíamos ter perdido o bebe porque ele já estava enrolado no cordão umbilical e eu não tinha espaço suficiente pra ele passar por um parto normal.
 Após o nascimento do meu filho, minha mãe levou ele para o quarto junto com o Jeison e os pais dele e eu fiquei por mais ou menos uns 20 minutos no centro cirúrgico pra costurarem e esses detalhes. Depois que fui para o quarto fiquei tremendo muito por causa da anestesia, meus braços tremiam e o Jeison chegou a se assustar. Não senti dor alguma no momento da cesária apenas algo que pareciam socos e no pós parto tive apenas fortes cólicas que já passaram. Fiquei um dia e meio no hospital, entrei as 8 horas de uma sexta feira dia 24 de Julho e sai as 16 horas do dia 25 com meu pequenininho nos braços. Fui mãe aos 17 anos, hoje tenho 19 anos e meu filho 1 ano e 6 meses e apesar das criticas que recebi sou feliz por ter um anjo pra cuidar.
 Desculpem o texto enorme, mas precisava compartilhar tudo isso com alguém. Foi um momento lindo e que não dá pra descrever em poucas palavras.


Beijinhos e até a próxima.


Comente com o Facebook:

2 comentários:

  1. Grande dia e um bom relato. Amei seu blog.

    Beijos e um bom final de semana!
    Blog DMulheresInstagramFanpage

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Um dia que não tem como esquecer né? Que bom que gostou, fico super feliz em saber disso... beijos e bom final de semana pra vc também... obrigada <3

      Excluir

Aqui você pode me contar um pouquinho do que achou do post. Vou amar responder a todos. Beijinhos e um imenso obrigada <3


Layout: Bia Rodrigues | Tecnologia do Blogger | All Rights Reserved ©